30 de ago de 2009

Um coração de criança

Quero ser como criança
Te amar pelo que és
Voltar a inocência
E acreditar em Ti

Mas às vezes sou levado
Pela vontade de crescer
Torno-me independente
E deixo de simplesmente crer

Não posso viver, longe do teu amor, Senhor
Não posso viver, longe do teu afago, Senhor
Não posso viver, longe do teu abraço, Senhor

Abraça-me, abraça-me, abraça-me Com Teus braços de amor.(David Quilan)



E disse: Em verdade vos digo que, se não vos converterdes (sem vos arrependerdes) e não vos tornardes como crianças (crédulas, humildes, amorosas, perdoadoras), de modo algum entrareis no reino dos céus. Portanto, aquele que se humilhar como esta criança (crédula, humilde, amorosa, perdoadora), esse é o maior no reino dos céus. MATEUS 18.3-4

As crianças crêem naquilo que ouvem. Algumas pessoas dizem que crianças são ingênuas, que elas acreditam em tudo, não importa quão ridículo isso pareça. Mas as crianças não são ingênuas, elas são crédulas. Faz parte da natureza da criança confiar, a menos que ela tenha experimentado algo que lhe ensine o contrário.

Seu Pai celestial quer que você saiba que é um precioso pequenino, um filhinho para Ele, e que quando você vai a Ele como uma criança, demonstrando sua fé nEle, isso liberará o poder de Deus para cuidar de você. Deus não é como as pessoas. Se as pessoas no seu passado o machucaram, não deixe isso afetar seu relacionamento com o Senhor. Você pode confiar nEle. Ele cuidará de você como um Pai amoroso.

http://www.joycemeyer.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário