30 de mai de 2011

...a gente reflete mesmo!


As crianças têm sonhos. E não há limites para os seus sonhos.
Elas são princesas, super-heróis.
Sonham salvar o Mundo de toda maldade. Acreditam-se com poderes infinitos.

Sonham em alcançar as nuvens, em fazer todo mundo feliz, em ter muito dinheiro para distribuir brinquedos para todas as crianças.
Sonham e sonham.

Mas todas as crianças crescem e se tornam adultas. E, quase sempre, esquecem dos seus sonhos.
Desencantam-se ao contato com a realidade. Ou talvez encontrem muitos adultos desencantados que as façam acreditar que não podem perseguir os seus sonhos.

A pequena Jean, na terceira série, era um exemplo típico. Filha de um piloto, sonhava voar.
Um dia, em uma redação, ela colocou todo seu coração e revelou seus sonhos: ser piloto de avião, ver as nuvens, saltar de pára-quedas.

Era meado do século XX. A sua nota foi zero, porque, segundo sua professora, todas as profissões que ela listara não eram para mulheres.
Jean foi massacrada, no decorrer dos anos seguintes, pela negatividade de muitos adultos.

Garotas não podem ser pilotos de avião. Não são suficientemente inteligentes para isso.
E ela desistiu.
No último ano do ensino médio, a professora de inglês pediu que os alunos escrevessem sobre o que estariam fazendo dentro de 10 anos.

Jean descartou piloto, aeromoça, esposa. E escreveu: garçonete. Afinal, pensou, aquilo ela seria capaz de fazer.
Duas semanas depois, a professora colocou a folha com a resposta de cada um dos alunos, virada para baixo, na frente de cada um deles.

E agora pediu que escrevessem o que cada um deles faria se tivessem acesso às melhores escolas, a dinheiro ilimitado, a habilidades ilimitadas.
Quando terminaram, ela deu a grande lição: Tenho um segredo para todos vocês.

Vocês têm acesso a boas escolas. Vocês podem conseguir muito dinheiro, se desejarem algo com muito vigor.
Se não correrem para concretizar os seus sonhos, ninguém o fará por vocês.

Vocês têm muita potencialidade. Não deixem de utilizá-la.
Jean ficou animada e ao mesmo tempo amedrontada.
Depois da aula, foi falar com a professora e lhe segredou seu desejo de ser piloto.

Então, seja! – foi o que ouviu.
E Jean resolveu concretizar o seu sonho. Foram 10 anos de trabalho duro, encarando oposições, hostilidades, rejeição, humilhação.

Tornou-se piloto particular. Conseguiu graduação para transportar carga e pilotar aviões de passageiros.
Mas não recebia promoção porque era mulher. Não desistiu.

Foi em frente. Fez tudo o que a professora da terceira série disse que era um conto de fadas.
Ela pulverizou plantações, pulou de pára-quedas centenas de vezes.
Em 1978, Jean Harper foi uma das três primeiras mulheres a serem aceitas como piloto pela United Airlines.

Por fim, tornou-se piloto de Boeing 737 na mesma empresa aérea.
Tudo, porque acreditou no seu sonho.
Pense nisso...
Se você abandonou os seus sonhos, é tempo de retomá-los.
Não diga que é tarde, que você está velho demais, que não consegue mais.

Decida-se e parta para a luta!
Estude, persevere, conquiste.
Utilize a força de sua fé. Acredite e invista no seu potencial.

Lembre: você pode ser o que quiser, se desejar o bastante e não perder o foco do seu ideal.
Seja a sua meta tocar as estrelas. VÁ EM FRENTE!



23 de mai de 2011

Traduções contemporâneas dos dez mandamentos


I- Não terás outros deuses 
Não crerás na existência de outros deuses, senão de Deus.
Não explicarás o universo senão em relação a Deus.
Não terás outro critério de verdade senão Deus.
Não te relacionarás com pseudodivindades, senão com Deus.
Não dependerás de falsos deuses, senão de Deus.
Não terás satisfação em nada que exclua Deus.

II -Não farás imagens 
Não tratarás como Deus o que não é Deus.
Não compararás Deus com qualquer de suas criaturas.
Não atribuirás poder divino a qualquer das criaturas de Deus.
Não colocarás nenhuma criatura entre ti e o teu Deus.
Não diminuirás Deus para que possas compreendê-lo ou dominá-lo.
Não adorarás qualquer criatura que pretenda representar Deus.

III- Não tomarás o nome do teu Deus em vão
Não dissociarás o nome da pessoa de Deus.
Não colocarás palavras na boca de Deus.
Não te esconderás atrás do nome de Deus.
Não usarás o nome de Deus para te justificares.
Não te relacionarás com uma idéia a respeito de Deus, senão com o próprio Deus.
Não semearás dúvidas respeito do caráter e da identidade de Deus.

IV- Lembra-te do sábado
Não deixarás de dedicar tempo exclusivamente para Deus.
Não deixarás de prestar atenção em Deus.
Não deixarás de descansar em Deus.
Não derivarás teu valor da tua produtividade.
Não tratarás a vida como tua conquista.
Não deixarás de reconhecer que em tudo dependes de Deus.

V- Honra teu pai e tua mãe
Não negarás tua origem.
Não terás vergonha do teu passado.
Não deixarás de fazer as pazes com tua história.
Não destruirás a família.
Não banalizarás a autoridade dos pais em relação aos filhos.
Não deixarás teu pai e tua mãe sem o melhor dos teus cuidados.

VI- Não matarás
Não tirarás a vida de alguém.
Não tirarás ninguém da vida.
Não negarás o perdão
Não farás justiça com tuas mãos movidas pelo ódio.
Não negarás ao outro a oportunidade de existir na tua vida.
Não construirás uma sociedade que mata.

VII- Não adulterarás
Não farás sexo;
Não farás sexo na imaginação;
Não farás sexo virtual;
Exceto com teu cônjuge.
Não te deixarás dominar pelos teus instintos físicos.
Não terás um coração leviano e infiel.
Não te satisfarás apenas no sexo, mas te realizarás acima de tudo no amor.

VIII- Não furtarás
Não vincularás tua satisfação às tuas posses.
Não te deixarás dominar pelo desejo do que não possuis.
Não usurparás a propriedade e o direito alheios.
Não deixarás de praticar a gratidão.
Não construirás uma imagem às custas do que não podes ter.
Não pensarás só em ti mesmo.

IX -Não dirás falso testemunho
Não dirás mentiras.
Não dirás meias verdades.
Não acrescentarás nada à verdade.
Não retirarás nada da verdade.
Não destruirás teu próximo com tuas palavras.
Não dirás ter visto o que não vistes.

X- Não cobiçarás
Não viverás em função do que não tens.
Não desprezarás o que tens.
Não te colocarás na condição de injustiçado.
Não desdenharás os méritos alheios.
Não duvidarás da equanimidade das dádivas de Deus.
Não viverás para fazer teu o que é do teu próximo, mas do teu próximo o que é teu.

Fonte.loucosporcristo.com

21 de mai de 2011

As Três Peneiras de Sócrates

 
Um homem foi ao encontro de Sócrates levando ao filósofo uma informação que julgava de seu interesse:
 
- Quero contar-te uma coisa a respeito de um amigo teu!
 
- Espera um momento – disse Sócrates – Antes de contar-me, quero saber se fizeste passar essa informação pelas três peneiras.
 
- Três peneiras? Que queres dizer?
 
- Vamos peneirar aquilo que quer me dizer. Devemos sempre usar as três peneiras. Se não as conheces, presta bem atenção. A primeira é a peneira da VERDADE. Tens certeza de que isso que queres dizer-me é verdade?
 
- Bem, foi o que ouvi outros contarem. Não sei exatamente se é verdade.
 
- A segunda peneira é a da BONDADE. Com certeza, deves ter passado a informação pela peneira da bondade. Ou não?
 
Envergonhado, o homem respondeu:
 
- Devo confessar que não.
 
- A terceira peneira é a da UTILIDADE. Pensaste bem se é útil o que vieste falar a respeito do meu amigo?
 
- Útil? Na verdade, não.
 
- Então, disse-lhe o sábio, se o que queres contar-me não é verdadeiro, nem bom, nem útil, então é melhor que o guardes apenas para ti.

10 de mai de 2011

Corações calejados

Fala-se de mãos e pés calejados, mas pouco se fala de corações calejados.
Portanto.. quanta gente há por aí vivendo como se não fosse possível ter sentimentos porque um dia foram magoadas.

As pessoas mais duronas, que parecem indiferentes ao amor, carinho e ternura, são pessoas endurecidas pela vida. São vítimas de uma dor que não souberam gerir.
Uma empresa mal administrada vai à falência; um coração mal dirigido vai à ruína.

Somos nós os gerentes da nossa vida. A nós cabe as decisões importantes que conduzirão nosso caminho. Você já experimentou andar com um sapato apertado? No início a gente aguenta, faz até cara bonita e se diz que depois vai amaciar. Mas isso nem sempre acontece e depois de algum tempo percebemos que, mesmo se as pedras no caminho podem fazer mal, melhor mesmo é deixar esse sapato de lado, ainda que seja aquele que a gente tanto desejou e até se sacrificou para adquirir.

Há pessoas que calejam nosso coração. Fazem parte da nossa vida e as amamos, mas de um certo modo nos fazem mal... tanto e tanto que acabamos fechando aos poucos as portas do nosso coração a outras possibilidades.

Nos trancamos dentro dele e vivemos na escuridão da nossa própria sombra....
Não permita que alguém magoe seu coração a ponto de te deixar insensível.
Não deixe de acreditar nas estrelas porque um dia as nuvens escuras encobriram seu céu.

Se seu coração está calejado, cuide dele com mais carinho ainda. Que seja ele a transformar a atitude dos outros em relação a você e não o contrário!
Se alguém que você ama só quer brincar com seu coração, talvez essa pessoa não mereça o amor que você sente.

E por mais difícil que seja, guarde seu coração das asperezas, não deixe que as decepções o endureça.
Olhe em outras direções, dê uma chance aos que te querem bem e ao seu coração de ser cuidado com o carinho que ele merece......
Letícia Thompson

3 de mai de 2011