30 de dez de 2010

As coisas que aprendi na vida

Aprendi que não importa o quanto eu me importe, algumas pessoas simplesmente não se importam.

Aprendi que não importa quão boa seja uma pessoa, ela vai ferir-me de vez em quando. Mas eu preciso perdoá-la por isto.

Aprendi que falar pode aliviar minhas dores emocionais.

Aprendi que se leva anos para se construir confiança e apenas segundos para destruí-la.

Aprendi que verdadeiras amizades continuam a crescer, mesmo a longas distâncias.

Aprendi que eu posso fazer, em instantes, coisas das quais me arrependerei pelo resto da vida.

Aprendi que o que importa não é o que eu tenho na vida, mas quem eu tenho na vida.

Aprendi que os membros de minha família são os amigos que não me permitiram escolher.

Aprendi que não tenho que mudar de amigos, e, sim, compreender que os amigos mudam.

Aprendi que as pessoas com quem eu mais me importava na vida me foram tomadas muito depressa.

Aprendi que devo deixar sempre as pessoas que amo com palavras amorosas. Pode ser a última vez que as vejo.

Aprendi que as circunstâncias e o ambiente têm influência sobre mim, mas eu sou responsável por mim mesmo.

Aprendi que não devo me comparar aos outros, mas com o melhor que posso fazer.

Aprendi que não importa até onde eu chegue, mas para onde estou indo.

Aprendi que não importa quão delicado e frágil seja algo, sempre existem dois lados.

Aprendi que vou levar ainda um tempo para que eu me torne a pessoa que quero ser. Mas não posso desistir!

Aprendi que eu posso ir mais longe depois de pensar que não posso mais.

Aprendi que ou eu controlo meus atos ou eles me controlarão.

Aprendi que heróis são pessoas que fizeram o que era necessário, enfrentando as conseqüências.

Aprendi que ter paciência requer muita prática.

Aprendi que existem pessoas que me amam, mas simplesmente não sabem como demonstrar isso.

Aprendi que meu melhor amigo e eu podemos fazer muitas coisas, ou nada, e termos bons momentos juntos.

Aprendi que a pessoa que eu espero que me pise, quando eu estiver caído, é uma das poucas que me ajudarão a levantar.

Aprendi que há mais dos meus pais em mim do que eu supunha.

Aprendi que quando estou com raiva, tenho direito de estar com raiva. Mas isto não me dá o direito de ser cruel.

Aprendi que só porque alguém não me ama do jeito que eu quero não significa que esse alguém não me ame com tudo que pode.

Aprendi que a maturidade tem mais a ver com os tipos de experiências que eu tive, e o que aprendi com elas, do que com quantos aniversários já celebrei.

Aprendi que nunca devo dizer a uma criança que sonhos são bobagens, ou que estão fora de cogitação. Poucas coisas são mais humilhantes e seria uma tragédia se ela acreditasse em mim.

Aprendi que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém, tenho que aprender a perdoar a mim mesmo.

Aprendi que não importa em quantos pedaços meu coração foi partido. O mundo não pára para que eu o conserte.

Apenas aprendi...

As coisas que aprendi na vida!

Autor: Willian Shakespeare

FELIZ 2011!!


Eu não perdi o meu pai, porque tudo o que Deus leva jamais será perdido!
Te amo  pai, e sempre vou te amar! Somente o Senhor Deus sabe do meu coração nestes dias...sentindo sua falta,como nunca senti em toda a minha vida... :'(

27 de dez de 2010

NATAL


"Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu, e o principado está sobre os seus ombros, e se chamará o seu nome: Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz". Isaias 9 :6

25 de dez de 2010

Joy to the world/Alegria para o mundo- Mariah Carey canta na Igreja

 
 
Alegria para o mundo
O Senhor chegou
Deixe o planeta receber seu Rei
Deixe todos os corações prepararem Seu lugar
E o céu e a natureza cantam
E o céu e a natureza cantam
E o céu e o céu e a natureza cantam
Alegria para o mundo
O Senhor chegou
Deixe o planeta receber seu Rei
Deixe todos os corações prepararem Seu lugar
E o céu e a natureza cantam
E o céu e a natureza cantam
E o céu e o céu e a natureza cantam
Alegria para o mundo
O Salvador reina
Deixe os homens entoarem suas canções
Enquanto campos e mares
Rochas, colinas e planícies
Repetem o som da alegria
Repetem o som alegria
Repetem, repetem o som alegria
Alegria para o mundo
Todos os meninos e meninas
Alegria para todas as pessoas que você ver
Alegria pra você e pra mim
Alegria para o mundo
Todos os meninos e meninas
Alegria para todas as pessoas que você veja
Alegria pra você e pra mim
Ele governa o mundo
Com a verdade e graça
E faz as nações provarem
As glórias de Sua justiça
E as maravilhas de Seu amor
E as maravilhas de Seu amor
E as maravilhas, as maravilhas de Seu amor
Alegria para o mundo
Todos os meninos e meninas
Alegria para todas as pessoas que você ver
Alegria pra você e pra mim
Alegria para todas as pessoas que você ver
Alegria pra você e pra mim...

24 de dez de 2010

FELIZ NATAL!


“O Deus que criou a matéria tomou forma dentro dela, como um artista que se tornasse uma mancha em uma pintura ou o autor de uma peça que se transformasse em um personagem dentro de sua própria peça.
Deus escreveu uma história nas páginas da história real utilizando apenas personagens verdadeiros. A Palavra se tornou carne… Deus, que não conhece fronteiras, assumiu as limitações chocantes da pele de um nenê, as restrições sinistras da mortalidade…

(Philip Yancey, no livro “O Jesus que Eu Nunca Conheci”)

“O povo que vivia nas trevas viu uma grande luz; sobre os que viviam na terra da sombra da morte raiou uma luz.” (Mateus 4.16)

O NATAL É O AMOR DE DEUS ENTRE NÓS! A manifestação do seu Amor: JESUS!

23 de dez de 2010

GIRASSOL

Nossos olhos são seletivos, nós "focalizamos" o que queremos ver e deixamos de ver o importante ou mesmo o indispensável.

Escolha focalizar o melhor lado das coisas, assim como um girassol escolhe sempre estar virado para o sol!

Você já reparou como é fácil ficar depressivo?

-Não estou bem porque está chovendo, porque tenho uma conta para pagar; porque não tenho exatamente o dinheiro ou aparência que eu gostaria de ter; porque ainda não fui valorizado; porque os problemas me perseguem, porque... porque...porque.....

É claro, existem momentos em que não estamos bem. Mas a nossa atitude deveria ser a de uma antena que tenta, ao máximo possível, pegar o lado claro para uma transmissão. Na natureza, nós temos uma antena que é assim, o girassol. O girassol se volta para onde o sol estiver. Mesmo que o sol esteja escondido atrás de uma nuvem.

E nós diante dos problemas? Nos escondemos ou nos voltamos para o Sol da Justiça que tem todas as soluções em suas mãos? 
Levantemos a cabeça coloquemos o nosso coração a disposição de Jesus, pois Ele o verdadeiro Amor, quer colocar toda a nossa vida na direção correta, façamos como o girassol, não importa o esforço, procuremos sempre estar voltados para Deus ... :)


22 de dez de 2010

Chico Mendes - 22 anos se passaram


Chico Mendes (nome completo: Francisco Alves Mendes Filho) foi um dos mais importantes ambientalistas (pessoas que lutam em defesa da preservação do meio ambiente) brasileiros. Nasceu na cidade de Xapuri (estado do Acre) no dia 15 de dezembro de 1944. Trabalhou na região da Amazônia, desde criança, com seu pai, como seringueiro (produzindo borracha). Tornou-se vereador e sindicalista.

Principais momentos de sua vida:

- 1975 – É fundado o Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Brasiléia. Chico Mendes aceitou o convite para ser secretário geral da instituição.
- 1976 – Começou a organizar os seringueiros para lutarem em defesa da posse de terra.
- 1977 – Participou da fundação do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Xapuri. Neste mesmo ano, foi eleito vereador pelo MDB (Movimento Democrático Brasileiro)
- 1978 – Começou a receber ameaças dos fazendeiros locais, descontentes com sua atuação sindical.
- 1980 – Participou da fundação do Partidos dos Trabalhadores (PT), tornando-se dirigente do partido no estado do Acre. Neste mesmo ano, foi enquadrado na Lei de Segurança Nacional a pedido de fazendeiros da região, que o acusavam de envolvimento no assassinato de um capataz de uma fazenda. Foi absolvido por falta de provas.
- 1981 – Tornou-se presidente do Sindicato de Xapuri.
- 1982 – Candidatou-se a deputado estadual pelo PT, porém não conseguiu eleger-se.
- 1985 – Organizou o 1º Encontro Nacional de Seringueiros. Participou da fundação do CNS (Conselho Nacional dos Seringueiros). Participou da proposta do “União dos Povos da Floresta”, que previa a união dos interesses dos seringueiros e indígenas na defesa da floresta amazônica.
- 1987 – Recebeu em Xapuri uma comissão da ONU (Organização das Nações Unidas), mostrando a devastação causada na floresta amazônica por empresas financiadas pelo BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento). Após levar as denúncias ao senado dos Estados Unidos, o BID suspendeu os financiamentos a estas empresas.
- 1987 – Recebeu vários prêmios na área de ecologia e meio ambiente em função de sua luta em defesa da floresta amazônica e de seus povos nativos. O mais importante destes prêmios foi o “Global 500”, entregue pela ONU.
- 1988 – Participou da criação das primeiras reservas extrativistas no Acre. Foi eleito suplente da direção nacional da CUT (Central Única dos Trabalhadores) durante o 3º Congresso Nacional da CUT.
- 22 de dezembro de 1988 – Chico Mendes foi assassinado na porta de sua casa. Deixou esposa (Ilzamar Mendes) e dois filhos pequenos (Sandino e Elenira).

http://www.suapesquisa.com/biografias/chico_mendes.htm

15 de dez de 2010

O teu amor tem feito
















Que outro amor é melhor que o Teu amor?
Que outro amor cobre uma multidão de pecados?
Que outro amor é a cura pra dor, que outro amor
é tão poderoso que restaura o coração despedaçado...?

o Teu amor tem feito milagres em nós
o Teu amor tem feito a gente dançar no meio do fogo, do fogo.
o Teu amor tem alimentado em nós
a esperança, a fé viva, a força e a paixão
pra cumprir o chamado...


O teu amor Senhor, tem feito milagres em mim!!!

11 de dez de 2010


Spiritual - Piano played by George Freitas

O AMOR DE DEUS

Na pétala de cada flor que se abre
eu leio que Deus é amor.
O vento que ruge ou que sopra mansinho
repete insistente que Deus é amor.
O Sol quando é dia e a lua de noite
nos contam que Deus é amor.
É fácil notar que as obras de Deus
estão todas repletas de amor.

Quão grande amor nosso Deus nos tem dado
Ele nos fez filhos Seus,
pois como alguém que vivia em pecado
podia esperar essa graça de Deus...

E foi tão intenso este amor
que o Seu próprio filho entregou
deu-nos direito a uma vida melhor
e o caminho do céu nos mostrou...

Quando eu ouço o cântico dos passarinhos
Eu sinto que Deus é amor.
A espuma das ondas que vão e que voltam
Insiste em lembrar-nos que Deus é Amor.

E foi tão intenso este amor
que o Seu próprio filho entregou
deu-nos direito a uma vida melhor
e o caminho do céu nos mostrou...


O amor de Deus(Letra de Leonardo Gonçalves).

7 de dez de 2010

A mulher forte e a mulher de força...


Uma mulher forte malha todo dia para manter seu corpo em forma...
Uma mulher de força constrói relacionamentos para manter sua alma em forma.
Uma mulher forte não tem medo de nada...
Uma mulher de força demonstra coragem, em meio a seus medos.
Uma mulher forte não permite que ninguém tire o melhor dela...
Uma mulher de força dá o melhor de si a todos.
Uma mulher forte comete erros e evita-os no futuro...
Uma mulher de força percebe que os erros na vida, também podem ser bênçãos inesperadas e aprende com eles.
Uma mulher forte tem o olhar de segurança na face...
Uma mulher de força tem a graça.
Uma mulher forte acredita que ela é forte o suficiente para a jornada...
Uma mulher de força tem fé que é durante a jornada que ela se tornará forte.
 

6 de dez de 2010

Saudade

Letícia  Thompson




A saudade é esse  passarinho que vem de leve e pousa  no nosso coração trazendo lembranças......
...Como  um colibri que beija  a flor e traz beleza.
E  ela nem escolhe hora  ou lugar, só aparece  assim, invadindo inteiramente  esse espaço que consideramos  reservado às pessoas  ou ocasiões especiais.
Mas  se existe saudade, é  porque existem sementinhas  de ternura plantadas  em nós; pedacinhos  de coisas boas, que  talvez nem tenham ficado  muito tempo, mas o  suficiente para deixar  um rastro, um sabor,  uma marca, um perfume.

Que  nome dar então a  essa falta, esse vazio  nostálgico, dolorido e  bom que invade a  alma e toma conta  do momento?
Essa  viagem que fazemos sem  malas e documentos e  que nos leva e  nos traz, cheios de  amor e de não  sei o quê?

A  saudade é uma prova,  um certificado, carimbado  e assinado embaixo de  que não estamos inteiramente  sós e nem vazios.

As  pessoas vêm e vão  e ficam assim se  prolongando em nós,  existindo pela eternidade  do nosso caminho.
E  amanhã ou depois, quando  tudo o que sobrar  em nós forem pedaços  do passado, teremos  esse coração rico  em histórias que nos  farão rir sozinhos  e nos sentir vivos.

Aprendemos assim  que sentir saudade é respirar o amor  que plantaram em nós. É viver depois  repletos desse amor para a vida toda....


5 de dez de 2010

Algo a mais

Mãe, você tem uma força interior impressionante dada por Deus!Mesmo na luta que
estás passando, ela  não te abate e nem te deixa triste por muito tempo! Aprendo muito com a senhora!

Logo depois das nuvens escuras da tempestade o sol sempre vai brilhar, o SOL DA JUSTIÇA sobre as nossas vidas!

4 de dez de 2010

O que você está fazendo na caverna?

Por que ainda estás na caverna??? Sai, pois Deus quer falar contigo!!

 

I Reis 19:1-21
Mensagem Alento
PIB Fortaleza

Este texto impressiona....
O profeta depois de uma vida de tantos milagres, sendo o personagem ativo através de quem Deus manifestou o seu poder… está agora ali no fundo de uma caverna, deprimido, muito triste, até mesmo chegando a desejar a própria morte.
Não era um novato, alguém que Deus tinha acabado de chamar, mas um profeta experiente, mesmo assim… ele se esconde no fundo de uma caverna.
Você já viveu algo semelhante?

Já passou pela experiência de experimentar um profundo desânimo, apatia, falta de desejo de viver?
Já se sentiu como alguém sem valor, sensação de não ser amado, de que ninguém se interessa por você ou entende a dimensão de seu sofrimento, diminuição do interesse nos problemas dos outros…?
Se você está experimentando estes sentimentos você está dentro da caverna: caverna da depressão.

O que ocorre com uma pessoa para que ela chegue a este ponto?
Fatores físicos. Depressão é combatida com remédios apropriados.
Fatores emocionais. Tristeza pela perda de uma pessoa querida, morte, etc.
- fim de um relacionamento amoroso: namoro/casamento (quando existe uma grande paixão é desesperador)
Fatores espirituais – um ataque direto de Satanás, uma decepção, um esfriamento na fé que não é alimentada… dentre outros fatores.
Tudo isso pode nos levar para dentro de uma caverna.
Será que é possível evitar completamente que este sentimento chegue ao nosso coração?

Creio que não. Mas, não precisamos ficar como que prisioneiros dentro de uma caverna… Ninguém está condenado a ficar lá dentro...

O que você pode fazer se estiver dentro da caverna ou entrando nela?

1. Admita que você é como ser humano um candidato natural a “entrar na caverna”.
Deus não usa apenas pessoas bem centradas, estruturadas, que estão sempre “pra cima”.
As tristezas fazem parte de nossa experiência como seres humanos.
As variações de humor são, até certo ponto, normais.
Nem todos os dias são iguais.
Vivemos experiências que nos levam nas montanhas, dias de alegria e felicidade e dias em que passamos por vales profundos…
Há um cântico antigo que tem uma grande heresia
“Quem tem Jesus gosta de cantar, vive sempre sorrindo, mesmo quando não dá…”
Cantei isso acreditando… no começo da adolescência… depois aprendi que a vida não é assim.
Elias foi um homem usado por Deus de forma muito especial: milagres extraordinários: azeite da botija, ressurreição de um menino, confronto com os profetas de Baal…
Mesmo depois de muitos anos de ministério… entrou na caverna da depressão.
Tem gente que está dentro da caverna, mas não admite que entrou lá. Se alguém perguntar, você está aí dentro, fica quietinho chega na porta e dá um tchauzinho como quem diz: tá tudo bem, não se preocupe.

2. Desabafe com Deus os seus verdadeiros sentimentos. (v. 3 e 4).
Orou pedindo a morte.
Depois Deus dá a oportunidade ao profeta dele falar sobre o que estava no seu coração quando pergunta: “O que você está fazendo aí na caverna?”
Ele tem a oportunidade de expressar os seus sentimentos e descarregar suas frustrações.
Deus está interessado nas coisas que nos levam para baixo. Ele não fica nos condenando, mas nos dá a oportunidade de falar francamente sobre o que estamos sentindo…

3. Receba a ajuda que Deus oferece a você nestes momentos de crise.
Deus conhecia o coração de Elias. Deus ouviu o clamor do profeta (v. 4)
Deus envia o seu anjo.
Deus permite que ele durma e renove as suas forças.
Envia o seu anjo.
Restaura as suas forças físicas…
Deus não faz um sermão. Nenhum relâmpago no céu: “Veja só o seu estado. Levante-se seu ingrato inútil. Fique em pé. Rápido. De volta ao trabalho!”
Acalme-se meu filho, relaxe. Faz tempo que você não tem uma refeição adequada.
A fadiga pode levá-lo a todo tipo de estranhas alucinações. Tenho muita pena de quem não tira férias. Precisamos renovar as nossas forças…
Que recursos Deus lhe proporciona e você tem usado para o seu fortalecimento psicológico, físico e espiritual.
O desgaste físico e psicológico também afeta sua vida espiritual. Usufrua a ajuda que Deus lhe oferece.
Muitas vezes uma parada, um descanso, uma boa noite de sono, uma refeição saborosa vai ajudá-lo grandemente, especialmente se o seu desgaste físico foi intenso…

4. Considere as circunstâncias que o levaram para dentro da caverna.
Uma das coisas que aprendi pela experiência e quando estudei este texto há muitos anos atrás é que, por incrível que pareça, depois de uma grande vitória estamos sujeitos a uma espécie de “coice emocional”.
O êxito não é um escudo contra a depressão. Muitas vezes é a porta de entrada para a caverna. No momento em que somos bem sucedidos, nos tornamos mais vulneráveis.
Alguém chegou a dizer: “Nada mais decepcionante do que haver atingido uma meta”.
A grande vitória no capítulo anterior – contra os profetas de Baal.
Grande vitória nos esgota fisicamente e emocionalmente.
Nem sempre será uma grande vitória o fator que o leva a entrar na caverna. Esta é uma das portas, mas não é a única.
Por que estou aqui? É isto que Deus pergunta? O que você está fazendo aqui, Elias?

5. Ouça o que Deus está dizendo e procure pensar de modo claro e realista.
Uma visão deturpada da situação: que não considerou a origem de sua ameaça.
Ameaça não viera de Deus. Feita por um ser humano carnal e ímpio.
Enfrentou 450 profetas e com medo de uma mulher… (Se bem que tem mulher que atemoriza mais alguns homens do que um exército inteiro).
“Filho quando uma mula lhe der um coice não fique chateado. Apenas considere quem fez isso.” Quando você for chutado por uma pessoa, considere quem fez isso.
Ele tem uma idéia errada acerca de si mesmo. Ele se enche de comiseração.
Somente eu estou sendo fiel ao Senhor… Sou o único que sobrou…
É horrível quando você se sente o “ultimo dos mocainos”.
Somente eu me esforço, somente eu estou me desgastando, somente eu estou procurando fazer a minha parte… todos os demais irmãos não estão nem aí, somente eu procurando ser fiel…
Ele bate nesta tecla várias vezes: v. 10, v. 14
Você está equivocado: v. 18 – Sete mil que não se dobraram a Baal, estão sendo fiéis como você Elias…
Não pense que você é o único, há muita gente que leva Deus a sério, procurando agradar a Deus, correndo riscos, se sacrificando até para fazer a vontade de Deus… Enfrentando problemas, ameaças e desafios semelhantes ao que você enfrenta. Muitas vezes no auge da depressão pensamos: somente eu estou passando por isso…
O foco do pensamento de Elias estava errado: pensava em Jezabel, quando deveria pensar em Deus e no seu poder.
6. Adquira uma nova consciência da presença de Deus.

Quando estamos na caverna Deus nos convida para revelar-se a nós de uma nova maneira.
Elias levante-se, saia da caverna. Fique na luz. Fique diante de mim naquele monte. Esqueça Jezabel e olhe para mim.
Há manifestações extraordinárias: vento, terremoto, fogo… mas não percebe nisso a presença de Deus.
Muitas vezes não se manifesta através de coisas espantosas… de barulho, de um milagre, de algo que produz um grande impacto.
Pessoas que acham que Deus só si manifesta assim: se o culto não for barulhento, se não cair um para um lado e outro para outro lado, se a casa não tremer… Deus não está ali. Se eu não sentir um arrepio, um calafrio espiritual… Não serve…
Deus veio através de uma brisa suave… Que coisa maravilhosa.
Algumas vezes Deus vai falar ao seu coração lá no seu quarto, você e Deus sozinho, sem nenhum outro aparato. Deus vai falar a você em um culto solene… Deus vai falar a você através da voz doce de uma criança…
Você precisa estar atento… para sentir a presença de Deus.
Na depressão nem sempre é o alarde que vai resolver. Uma música suave, um telefonema de um amigo, uma oração, um murmúrio de uma brisa suave.

7. Não permaneça aí na caverna. Agora é hora de voltar ao trabalho!
Depois da manifestação da presença de Deus
Deus deu a Elias uma nova missão.
Há o tempo do descanso e o tempo do trabalho.
Deixe de auto comiseração e seja profeta. Vai e unge três homens. Um dos três será Eliseu o seu sucessor.
O retorno ao serviço ativo era necessário agora, para que ele esquecesse um pouco a si mesmo.
Continuo contando com você para que os meus propósitos se cumpram…
8. Desfrute da companhia do amigo que Deus está providenciando para você.
Deus o alimentou, providenciou refrigério, deu sábios conselhos, oportunidade de falar sobre seus sentimentos, procurou corrigir sua percepção errada da realidade, lhe deu uma nova missão.
Deu a ele não apenas um sucessor, mas um amigo, alguém que amava Elias e o compreendia suficientemente bem para servi-lo e encorajá-lo.
Deus não nos criou para vivermos como ermitões numa caverna. Ele nos fez para vivermos em comunhão, amizade e comunidade uns com os outros.
Todos precisamos de companheiros de caminhada. Você tem desenvolvido relacionamentos significativos? Tem caminhado com pessoas que são verdadeiros amigos?

Conclusão
Deus nos usa em nossas fraquezas, com nossas oscilações.
Mesmo depois de grandes vitórias estamos sujeitos a experimentar tremendas e inexplicáveis fraquezas.
Não precisamos nos ver como únicos, imprescindíveis, e nos encher de autocomiseração.
Não precisamos ficar dentro da caverna.
Receba o copo de água, o alimento, o descanso que Deus providencia através de seus anjos (pessoas e circunstâncias).
Não abra mão de conhecer mais profundamente a Deus, o Deus que se revela não apenas em atos espetaculares, mas fala silenciosa e suavemente ao coração.
Peça a Deus que o ajude a ter uma percepção certa da realidade…
Saia da caverna e volte a cumprir a sua missão, contando com o apoio dos amigos que Deus está colocando perto de você.
O que você está fazendo dentro da caverna? Deus pergunta. Reflita, Desabafe. Converse com Ele e siga a orientação que Ele lhe der…
Fonte: www.pibfortaleza.com.br
Estas palavras me ajudaram muito e ajudarão você! Creia, Deus sabe de todas as coisas! Nada foge do seu controle e além do mais, Ele é Fiel e nos ama com amor incondicional!

2 de dez de 2010

Reflexão Cristã: Os últimos Desejos




TRÊS DESEJOS DE ALEXANDRE:





Por isso ele era chamado de ‘O GRANDE’.
Os 3 últimos desejos de ALEXANDRE O GRANDE:
1, Que seu caixão fosse transportado pelas mãos dos médicos da época;
2, Que fosse espalhado no caminho até seu túmulo os seus tesouros conquistados como prata , ouro, e pedras preciosas ;
3, Que suas duas mãos fossem deixadas balançando no ar, fora do caixão, à vista de todos.
Um dos seus generais, admirado com esses desejos insólitos, perguntou a ALEXANDRE quais as razões desses pedidos e ele explicou:
1, Quero que os mais iminentes médicos carreguem meu caixão para mostrar que eles NÃO têm poder de cura perante a morte;
2, Quero que o chão seja coberto pelos meus tesouros para que as pessoas possam ver que os bens materiais aqui conquistados, aqui permanecem;
3, Quero que minhas mãos balancem ao vento para que as pessoas possam ver que de mãos vazias viemos e de mãos vazias partimos.

Pense nisso..
PERANTE A VIDA PODEMOS SER DIFERENTES ENTRE NÓS, MAS PERANTE A MORTE SOMOS TODOS IGUAIS…
ALEXANDRE O GRANDE percebeu no fim de sua vida que o mais importante na vida é o verdadeiro amor Ágape.

E para você, o que é o mais importante???

Fonte: http://estudoscristaos.com/

Remember this: God creates the impossible! Creates that which is unseen, untold, misunderstood. Speaks and light appears, draws the wind with his hands and it blows. God is amazing us each day. With his wonders we behold his awesome vision of his creative genius!

28 de nov de 2010

Carta de Deus para você

Estou à tua espera (Lucas 15.11-32)

As palavras que você vai ler agora são verdade. Elas mudarão a sua vida se você deixar. Pois vêm do coração de Deus. Ele ama-o. Ele é o Pai que tem procurado durante toda a sua vida. Esta é a Sua carta de amor para você!
 
Meu Filho,

Tu podes não me conhecer, porém eu sei tudo sobre ti (Salmo 139:1) 
Eu sei quando te assentas e quando te levantas (Salmo 139.2)
Eu conheço todos os teus caminhos (Salmo 139.3)
Até os cabelos da tua cabeça estão todos contados (Mateus 10.29-31)
Pois tu foste feito à minha imagem (Génesis 1.27)
Em mim tu vives e te moves, e tens existência (Actos 17.28)
Pois tu és a minha descendência  (Actos 17.28)
Eu já te conhecia mesmo antes de seres concebido (Jeremias 1.4-5)
Eu te escolhi quando ainda planeava a criação (Efésios 1.11-12)
Tu não és um erro (Salmo 139.15)
Pois todos os teus dias foram escritos no meu livro (Salmos 139.16)
Eu determinei a hora exacta do teu nascimento e onde deverias viver (Actos 17.26)
Tu foste feito de forma admirável e maravilhosa (Salmo 139.14)
Eu te formei no ventre de tua mãe (Salmo 139.13)
E te trouxe à luz no dia em que nasceste (Salmo 71.6)
Eu tenho sido mal interpretado por aqueles que não me conhecem (João 8.41-44)
Eu não estou distante nem zangado, mas sou a completa expressão de amor (I João 4.16)
E é meu desejo derramar meu amor sobre ti (I João 3.1)
Simplesmente porque tu és meu filho, e eu sou o teu Pai (I João 3.1)
Eu te ofereço mais do que o teu pai terrestre jamais poderia oferecer (Mateus 7.11)
Pois eu sou o Pai Perfeito (Mateus 5.48)
Cada boa dádiva que recebes vem da minha mão (Tiago 1.17)
Pois eu sou o teu provedor e cuido de todas as tuas necessidades (Mateus 6.31-33)
O meu plano para o teu futuro sempre foi cheio de esperança (Jeremias29.11)
Porque eu te amo com um amor eterno (Jeremias 31.3)
Os meus pensamentos para contigo são incontáveis, como a areia da praia (Salmo 139.17-18)
E eu me regozijo em ti com cânticos (Sofonias 3.17)
Eu nunca deixarei de te fazer o bem (Jeremias 32.40)
Pois tu és o meu tesouro precioso (Êxodo 19.5)
Eu desejo te estabelecer com todo meu coração e toda minha alma  (Jeremias 32.41-42)
Posso revelar-te coisas grandes e maravilhosas (Jeremias 33.3)
Se me buscares de todo o teu coração, me encontrarás (Deuteronómio 4.29)
Deleita-te em mim e eu te darei os desejos do teu coração (Salmo 37.4)
Pois sou eu quem colocou em ti esse desejo de me agradar (Filipenses 2.13)
Eu sou capaz de fazer mais por ti do que jamais poderias imaginar (Efésios 3.20)
Pois eu sou a tua maior fonte de encorajamento (II Tessalonicenses 2.16-17)
Eu sou também o Pai que te consola em todas as tuas aflições (II Coríntios 1.3-5)
Quando estás quebrantado, eu estou próximo de ti  (Salmo 34.18)
Como um pastor que leva um cordeiro, eu te tenho carregado junto ao meu coração (Isaías 40.11)
Um dia eu limparei toda a lágrima dos teus olhos (Apocalipse 21.3-4)
E tirarei toda a dor que tens sofrido nesta terra (Apocalipse 21.4)
Eu sou o teu Pai e te amo, tal como amo o meu filho Jesus (João 17.23)
Pois em Jesus foi revelado o meu amor por ti (João 17.26)
Ele é a representação exacta do meu ser (Hebreus 1.3)
Ele veio para demonstrar que eu sou por ti e não contra ti (Romanos 8.31)
E para dizer que eu não estou a levar em conta os teus pecados (II Coríntios 5.18-19)
Jesus morreu para que tu e Eu pudéssemos ser reconciliados (II Coríntios 5.18-19)
A sua morte foi a expressão suprema do meu amor por ti (I João 4.10)
Eu entreguei tudo o que amava para poder ganhar o teu amor (Romanos 8.32)
Se receberes a dádiva do meu filho Jesus, recebes-me a mim (I João 2.23)
E nada jamais poderá te separar do meu amor (Romanos 8.38-39)
Vem para casa e haverá grande alegria no céu!  (Lucas 15.7)
Eu sempre fui Pai, e sempre serei Pai (Efésios 3.14-15)
A minha pergunta é: Queres ser meu filho?(João 1.12-13)

25 de nov de 2010

PAI...quanta Saudade!


Pai...
Hoje senti uma falta de você...
Do seu jeito de ser
Do seu modo de se preocupar
Dos seus telefonemas
Do seu sorriso
Do seu olhar
Do seu silêncio
Do seu movimento
Da maneira como gesticulava
E se empolgava quando algo contava...

Pai...
Me perdoa pela saudade imensa,
Pela falta que você me faz.
Mesmo sem falar nada
Eu entendia o que queria,
O que pensava, o que emitia,
Tentava lhe ajudar como podia...

Pai...
Muitas saudades sinto
Mas tenho que me conter.
Foram só momentos de lembrança
Que hoje eu tive de você...
Talvez por me sentir mais criança,
Por querer me apoiar em uma esperança
Ouvir palavras que só você sabia me dizer!

Pai...
Quando vejo o seu retrato,sorrio de novo,
quando olho para o seu rosto,
Porque escuto você me dizendo
Que enquanto aqui, estou sofrendo
Pela sua ausência e seu carinho,
Você descansa ao lado daquele que guiou o seu caminho!

O SENHOR DEUS!

UM DIA,
Estaremos de novo, juntos para sempre, para sempre...AMÉM!

19 de nov de 2010

As feridas vão sarar/Ludmila Ferber

“E lhes enxugará dos olhos toda lágrima, e a morte já não existirá, já não haverá luto, nem pranto, nem dor, porque as primeiras cousas passaram.” (Apocalipse 21.4)

17 de nov de 2010

Eis o meu coração Senhor...


Frustrada e confusa, ainda agarrando-me a uma forte fé que crê que as coisas poderiam e teriam sido diferentes, levantam-se pensamentos pesarosos de "se" e. Sem serem convidadas, dúvidas entram furtivamente.
Sentimentos de abandono, sozinha, fragilizada e desfalecendo, estou por um fio. Tudo parece perdido. Será que há esperança para mim neste deserto sem vida no qual estou exilada, de tudo que me era tão querido?
Sentimentos de exílio em minha alma,  a ponto de o senso de estar alienada da vida, de casa e das bençãos ameaça-me esmaga-me. O que me era muito precioso, me foi levado...Posso ainda esperar e confiar???

POSSO, EU AINDA CREIO...
No silêncio sufocante da desesperança, uma voz soa em meu coração. 
"Sim, é verdade, ouço uma voz de consolo, convocando, clamando, brandando..." Estou contigo e tenho te carregado em meus braços. Conheço tua dor e vou te dar vitória...

Seguir em frente, em meio ao luto, sofrimento e perda, exige que nossa fé e amor em Deus estejam em seu nível mais alto.
 JESUS DISSE:
" Eu Sou a ressurreição e a vida;quem crê em mim, ainda que esteja morto viverá. João 11.25
Não há esperança mais firme do que ter um relacionamento íntimo e amoroso com o Senhor e conhecê-lo como "ABA PAI".
CUIDA DE MIM meu Senhor, Pai e Meu Deus!

11 de nov de 2010

O sofrimento é uma viagem...as vezes confusa e terrivelmente solitária!





Quando se perde alguém querido…

O pastor Rob Bell fala sobre como Deus cuida de nós quando perdemos alguem especial:
Matthew 012 - Nooma - Rob Bell - Legendado from there. on Vimeo.

9 de nov de 2010

Grupo Logos_ Espinho

 Senhor Jesus, eu não entendo espinho, mas se o mesmo faz parte da tua Cruz,eu o aceito. Dai-me mais graça, não sou maior que meu Senhor, apenas servo sou, apenas servo e nada mais!

7 de nov de 2010

Algumas vezes sabemos dentro de nós que devemos fazer qualquer coisa semelhante a plantar uma árvore, mesmo sabendo que nunca comeremos dos seus frutos nem descansaremos à sua sombra. Ou descobrimos que devemos aplicar-nos não tanto ao nosso pequeno problema, mas a reconstruir as ruínas imensas que nos rodeiam. E nunca como então somos tão grandes. E nunca como então estamos tão perto de nós mesmos.
 
(Paulo Geraldo)

6 de nov de 2010

SALMO 23



O Senhor é meu Pastor, Isto é relacionamento!
Nada me faltará, Isto é suprimento!
Caminhar me faz por verdes pastos, Isto é descanso!
Guia-me mansamente as águas tranqüilas, Isto é refrigério!
Refrigera a minha alma,
Isto é cura!
Guia-me pelas veredas da justiça, Isto é direção!
Por amor do seu nome, Isto é propósito!
Ainda que eu caminhasse pelo vale da sombra da morte,
Isto é provação!
Eu não temeria mal algum, isto é proteção!
Porque Tu estás comigo, Isto é fidelidade!
A tua vara e o teu cajado me consolam, Isto é disciplina!
Preparas uma mesa perante mim, na presença dos meus inimigos. Isto é esperança!
Unge a minha cabeça com óleo. Isto é consagração!
E meu cálice transborda. Isto é abundância!
Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias de minha vida. Isto é bênção!
E eu habitarei na casa do Senhor para sempre!






26 de out de 2010

Tristeza profunda pela morte repentina e prematura

Há horas em nossa vida que somos tomados por uma enorme sensação de inutilidade, de vazio. Questionamos os porquês  e concentramos nossa atenção no lado mais cruel da vida, aquele que é implacável e a todos afeta indistintamente: As perdas do ser humano...
PERDI AQUELE A QUEM EU TANTO AMO: O MEU PAIZINHO QUERIDO!
Quanta dor! Despedaçada por dentro! Somente o Senhor para amenizar tamanha dor!

" Que o amado do Senhor descanse nele em segurança, pois ele o protege o tempo inteiro, e aquele a quem o Senhor ama, descansa nos seus braços! Dt. 13. 12

25 de Outubro - Dia em que o Senhor levou meu Pai para junto D'ele!

24 de out de 2010

Sobre o casamento...

O casamento não é uma instituição humana; foi instituído por Deus, para atender a seus propósitos. O casamento deve ser centralizado em Deus.

Deus não avalia um casamento baseando-se nos ganhos materiais do casal, nem em seu status social, mas sim no crescimento espiritual. O marido e a mulher são responsáveis perante Deus pela maneira que conduzem sua relação a dois. Ele dirige a cada um de nós a seguinte pergunta: "Você sente que está mais semelhante a Jesus hoje por ser casado do que estaria se não o fosse?"

No alicerce do casamento deve estar a consciência da Vontade de Deus.

Se perguntássemos a todas as pessoas casadas: "Por que você se casou?" Essa pergunta teria apenas duas respostas. A mais sincera seria: "Eu me casei porque quis". Vi nessa moça (ou rapaz) alguma coisa que me agradou. Tinha alguns desejos - emocionais, físicos e sociais - muito intensos, e ela (ou ele) parecia a pessoa mais adequada para satisfazê-los. Por isso me casei."

Paulo afirma que essa é a razão porque os gentios se casam. O motivo da união tem origem neles mesmos. O casamento que é baseado em nossa própria vontade é como uma nota falsa. Parece com a verdadeira mas um bom conhecedor vê logo que se trata de uma falsificação...

É por isso que muitos deles acabam falindo. O amor humano se exaure rapidamente. Depois nem o desejo sexual, nem o status social são suficientes para sustentar a relação, e afinal o casal tem que reconhecer que o casamento não vai bem. Alguns terminam em separação; outros vão se agüentando até quando podem. Mas tais casamentos não passam de arremedos do verdadeiro. É que houve ali uma tentativa de se criar, pela vontade do casal, algo que só Deus pode criar.

Porém a melhor resposta seria: "Casei-me porque senti que era essa a vontade de Deus". Isso é um casamento cristão. Um casamento não é cristão apenas pelo fato de ter sido oficializado numa igreja; mas o é porque se originou no coração de Deus. O casal se une para obedecer a vontade de Deus. O casamento cristão começa no momento em que duas pessoas reconhecem que Deus escolheu uma para a outra. Deus une um casal em matrimônio não para satisfazer o desejo do coração deles, mas para realizar o desejo do seu próprio. Só o amor de Deus é capaz de sustentar um bom casamento. E ele nasce quando reconhecemos que
o casamento é da vontade de Deus, que foi Deus que os escolheu um para o outro, e consequentemente casamos em obediência à vontade Dele...Um casamento necessita ser o casamento que Deus deseja!

www.jesuserei.com.br

23 de out de 2010

ADORAÇÃO É...

... cumprir seu propósito. Quando você está louvando a Deus, não está só cumprindo um dever, investindo tempo, fazendo o que se espera de você. Você está entrando em tudo aquilo que ele tem para você. Você está abrindo uma porta por trás da qual encontrará seu propósito e destino para sua vida.

Stomie Omartian.

30 Pensamentos Diários - 3º dia

por Max Lucado

Gradue-se na graça de Deus.

Concentre-se na cruz de Cristo.

Seja fluente na linguagem da redenção.

Demore aos pés da cruz.

Mergulhe no currículo da graça.

22 de out de 2010

O que é felicidade?

Cada pessoa tem sua forma de ver a felicidade! Necessariamente, a felicidade não se resume a bens materiais ou a satisfações emotivas; não podemos conjugá-la, apenas, como a alegria de realizações de nossos desejos, muito menos a nossa resignação em favor dos outros, pois felicidade é também senso de justiça própria.

Felicidade é antes de tudo a relação de amor que mantemos com Deus; mas também a consciência das nossas limitações e a aceitação da nossa condição real.

Ser feliz é poder olhar para dentro de nós mesmos e nos sentir bem com quem nós verdadeiramente somos, é amar os nossos semelhantes com o mesmo amor que gostaríamos de ser amado; é ter discernimento da nossa responsabilidade na construção de um mundo melhor e mais justo para todos; é a certeza de estarmos sempre aptos e encorajados a ajudar aos necessitados; é manter acesa a chama da esperança e da fé diante do niilismo que nos envolve; é se sentir confiante ao expressar uma vida verdadeira e transparente; é gerar nos outros esperança e bem estar; é saber que pode se doar sem pedir nada em troca; é ter segurança diante das adversidades; é irradiar a luz de Deus para que possa dirigir os caminhos daqueles que se encontram perdidos; é antes de tudo, estar debaixo da graça e do amor de Deus.

Fonte: http://www.paralerepensar.com.br

O Desconhecido em nós

No mundo das relações humanas, a base fundamental é conhecer-se e, conhecendo, estabelecer relacionamentos verdadeiros. Muitas vezes, prevalece o medo de entrar em nosso interior e tomar posse do que realmente somos e cremos, sem criar máscaras de proteção, que escondem nossa verdadeira imagem. A busca de conhecimento do outro, passa necessariamente pelo conhecimento de nós mesmos. O desconhecido em nós, faz com que não tenhamos a força suficiente para ir ao encontro do outro, como somos. Tomar posse do meu eu, para possuir o eu do outro.

Anselm Grün, monge escritor alemão afirma: “Quanto mais o medo me leva a evitar um olhar para o meu interior, mais forte torna-se o medo do desconhecido em mim. Jesus fala desse medo do desconhecido quando dirige suas palavras aos doze que escolhera: “Não tenhais medo deles, porque não há nada encoberto que não venha a ser revelado, nem escondido que não venha a ser conhecido.

Dizei à luz do dia o que vos digo na escuridão e proclamai de cima dos telhados o que vos digo ao pé do ouvido””(MT 10,26). Certamente, Jesus estava falando aos seus colaboradores em circunstências bem diferentes à nossa, porém, penso que essas palavras podem ser referidas ao medo que existe em nós.

A capacidade de parar e encarar o positivo e o negativo que existe em nós, muitas vezes é abafada pelo medo de nos surpreender com uma explosão do que realmente somos. O medo é fruto de uma atitude muito pessimista em relação a nós mesmos. Na medida em que revelamos, a nós, o nosso interior e assumimos a realidade pessoal do jeito que ela é, passamos a viver uma liberdade jamais vivida.

Não temos nada a esconder e muito menos a guardar sob sete chaves. A transparência é o espelho da alma que acredita ser o que ela é para conhecer e amar o outro como ele é. Vivemos tão pouco, porque não estabelecer relacionamentos sinceros e verdadeiros sem medo de nós e do outro? Na medida que amo em mim, a riqueza e a pobreza com que Deus me fez, serei capaz de amar a riqueza e a pobreza do outro.

“Para Deus nada fica no escuro. Já o Salmo 139, assim se expressa: “ Se eu disser: As trevas, ao menos, vão me envolver e a luz, à minha volta, se fará noite, nem sequer as trevas são bastante escuras para ti, e a noite é tão clara como o dia, tanto faz a luz como as trevas. Pois tu plasmaste meus rins, tu me tecestes no seio de minha mãe. Graças te dou pela maneira espantosa como fui feito tão maravilhosamente”(Sl 139,11-14). A escuridão não é o lugar do afastamento de Deus, mas de sua especial proximidade. Lá ele fala ao meu coração e ilumina tudo em mim com a luz de seu amor. Ele sabe o que existe dentro de mim. Ele o desvenda para mim. Por isso não preciso mais encobri-lo de mim nem dos outros. Tudo o que há em mim é perpassado pela luz de Jesus. O próprio Jesus desceu para esta escuridão a fim de iluminá-la com sua luz”.(Anselm Gün).

No caminho da realização pessoal, o passo fundamental para ser feliz está no abandono do medo de nós mesmos, para mergulhar no nosso interior conhecendo o mais profundo de nossos sentimentos e emoções, iluminados pela luz de Jesus. Assim seremos capazes de mergulhar no conhecimento dos outros e estabelecer relacionamentos verdadeiros, sem preconceitos ou julgamentos indevidos. Nossa convivência em casa, no trabalho, no lazer, na comunidade será agradavelmente prazerosa, quando amarmos o que conhecemos em nós, para poder amar o que conhecemos no outro.

Dom Anuar Battisti
Arcebispo metropolitano de Maringá

21 de out de 2010

A Vontade Soberana de Deus

Deus não se engana e nunca falha! Mesmo quando as Suas instruções parecem não fazer sentido algum, lembre-se que Ele conhece detalhes das situações que envolvem as nossas vidas que nós desconhecemos.

Por isso, devemos ouvir as suas instruções e confiar Nele. Afinal, Ele sabe exatamente o que deve ser feito e como deve ser feito. Quando a palavra do Senhor veio ao profeta Elias, ele foi ao encontro do rei Acabe e profetizou que nenhuma gota de orvalho cairia sobre a terra até o dia em que ele ordenasse as chuvas no nome de Jeová. Sabemos que a profecia se cumpriu segundo a Palavra de Deus (1Re 17).

Interessante é que, depois disso, Deus disse ao profeta que se escondesse por um longo período. Aos olhos de alguns, isto poderia parecer uma perda de tempo. Um homem com tamanho potencial, sentado à beira de um rio, sendo alimentado por corvos. Parecia um desperdício, não só de tempo, mas de talento e oportunidade. Mas estar em Querite naqueles dias não era um tempo perdido, mas um investimento. Deus estava ensinando o seu servo a confiar e a depender Dele exclusivamente.

O desafio que estava por vir no monte Carmelo e depois da grande vitória seria muito mais difícil. Com tudo aquilo que o Senhor lhe ensinou, houve um momento em que Elias desejou morrer, exatamente, por não compreender o que Deus estava fazendo. Pela primeira vez, ele decidiu agir sem ouvir a instrução clara do Senhor, e acabou deprimido dentro de uma caverna até que o Senhor o despertou e o desafiou a prosseguir (1Re 19)...

Sejamos sensíveis ao comando do Espírito Santo e declaremos com inteireza de coração: “Mas agora, ó Senhor, tu és nosso Pai; nós somos o barro, e tu o nosso oleiro; e todos nós obra das tuas mãos” (Is 64.8).

19 de out de 2010

Mudança de escala de valores

Deus escolheu as coisas fracas deste mundo para confundir as fortes; e Deus escolheu as coisas vis deste mundo, e as desprezíveis, e as que não são, para aniquilar as que são;para que nenhuma carne se glorie perante ele (1 Coríntios 1:27-29).

Como o Evangelho é surpreendente! Ele valoriza os fracos, os excluídos, os marginalizados. Inverte os valores habituais: o dinheiro, o poder, a popularidade, coisas que não têm importância no Reino de Deus. A vinda de Jesus Cristo a este mundo demonstra essa alteração da escala de valores de nossa sociedade. Ele, que é Deus, Se humilhou ao Se fazer homem. Nasceu em uma manjedoura e viveu na pobreza. Morreu em uma cruz para ressuscitar como vencedor da morte. Escolheu a companhia de trabalhadores simples, como Pedro, bem como a de homens ricos, mas desprezados, como Mateus, o cobrador de impostos.

Por que o Senhor Jesus parece preferir os que estão à margem da sociedade, e não os que se consideram superiores aos demais? Na verdade, para Deus não há diferença. Todos os seres humanos estão atolados de culpa. Os que se acham justos não estão isentos dela, mas desprezam a voz acusadora da própria consciência. Por outro lado, os que sofrem por causa de seus pecados são mais propensos a pedir o perdão e a ajuda de Deus. Então o Senhor os acolhe como filhos, e essa adoção lhes confere um senso de valor e de identidade jamais sonhado. O Senhor Jesus os liberta tanto da vergonha secreta como das acusações públicas. Não desanimemos por causa de nossos fracassos e erros. Confessemos tudo a Deus. Ele nos permitirá começar de novo e centrar nossas vidas em Jesus Cristo.
Extraído do devocional:
Entregue o seu caminho ao Senhor; confie nele, e ele agirá: Ele deixará claro como a alvorada que você é justo, e como o sol do meio-dia que você é inocente. Salmos. 37. 5 6.( NVI).

16 de out de 2010

30 Pensamentos Diários - 2º dia

 por Max Lucado

Dois tipos de vozes chamam sua atenção hoje.

As negativas enchem sua mente com dúvida, amargura, e medo.

As positivas dão esperança e força.

Qual delas você escolherá para escutar?

Você tem uma escolha, você sabe.

“Levando cativo todo pensamento à obediência a Cristo.” 2 Coríntios 10:5

14 de out de 2010

Celeiro dos Sonhos

Celeiro dos sonhos
Pra. Ludmila Ferber
http://www.youtube.com/watch?v=U3y9-eTsjDQ
No celeiro dos sonhos entrarei
Junto à fonte da vida, viverei
Fundo vou mergulhar
Nos rios da unção
E alargar minhas tendas
Pra dentro da Tua presença


Eu vou sonhar alto
Eu vou sonhar grande
Eu vou entrar no lugar
Onde os sonhos estão
Os sonhos de Deus
Os planos de Deus
Tudo o que move e comove o Seu coração...

13 de out de 2010

Os propósitos de Deus por trás de seus problemas


Rick Warren.
“ Meus problemas me mudaram para muito melhor – eles me forçaram a aprender com teu livro texto. A verdade de tua boca significa mais para mim do que descobrir uma riquíssima mina de ouro.” Sl 119:71-72 (Trad Livre de Msg)
A vida é uma série de oportunidades para aprendermos a dar soluções a problemas. Os problemas que você enfrenta vão lhe derrotar ou vão lhe desenvolver – dependendo da maneira como você responde a eles.
Infelizmente, a maioria das pessoas falha em perceber como Deus quer usar os problemas para o bem de suas vidas. Reagem de modo tolo, com ressentimentos diante dos problemas, em vez de dar uma parada para refletir sobre os benefícios que os problemas podem trazer.

Aqui estão cinco maneiras como Deus quer usar os problemas em sua vida:
1.      Deus usa problemas para DIRIGIR você –
Algumas vezes Deus toca fogo perto de você para lhe fazer movimentar-se. Geralmente os problemas nos apontam para uma nova direção e nos motivam a mudar. Deus está tentando chamar sua atenção? “Algumas vezes precisamos passar por situações doloridas para mudar nosso pensamento". Pv. 20:30 (Trad Livre de GN)

2. Deus usa problemas para INSPECIONAR você –
As pessoas são como sachês de chá … Se você deseja saber o que há dentro deles, coloque-os na água fervente! Deus já testou sua fé através de um problema? O que os problemas revelam a seu respeito? "Quando você passa por vários tipos de problemas, deve encher-se de alegria, porque você sabe que isso é um teste para sua fé, e isso vai lhe dar paciência." Tg 1:2-3 (Trad Livre de NCV)

3. Deus usa problemas para CORRIGIR você –
Aprendemos algumas lições somente através de sofrimentos e falhas. É como no seu tempo de criança quando seus pais diziam para você não tocar no fogão quente. Mas você aprendeu a obedecer quando se queimou. Algumas vezes nós só aprendemos o valor de alguma coisa – saúde, dinheiro, relacionamentos – quando os perdemos. "Foi a melhor coisa que poderia ter me acontecido, por causa disso aprendi a dar atenção as tuas leis". Sl 119:71-72 (BV)

4. Deus usa problemas para PROTEGER você –
Um problema pode ser uma bênção se serve para protegê-lo de ser machucado por algo mais sério. No ano passado, um amigo meu, foi demitido por ter se recusado a fazer uma coisa antiética que seu chefe pediu para ele fazer. Ficar desempregado foi muito duro para ele, mas isso evitou dele ser preso, um ano depois, quando as falhas de seu chefe foram descobertas. "Vocês planejaram o mal contra mim, mas Deus o tornou em bem…." Gn 50:20 (NVI)

5. Deus usa problemas para APERFEIÇOAR você –
Problemas, quando resolvidos corretamente, são construtores do caráter. Deus está muito mais interessado em seu caráter do que em seu conforto. Seu relacionamento com Deus e seu caráter são as únicas duas coisas que você vai levar para a eternidade.
" Podemos nos alegrar quando estamos envolvidos em problemas… eles nos ajudam a aprender a ser pacientes. E a paciência desenvolve a força do caráter em nós e nos ajuda a confiar mais em Deus todas as vezes que precisamos, até que finalmente nossa esperança e fé estejam prontas e fortalecidas". Rm. 5:3-4 (BV)
Aqui está a questão: Deus está no controle de sua vida – mesmo quando você não reconhece ou compreende. Mas é muito mais fácil e lucrativo quando você coopera com Ele!



12 de out de 2010





DESCE SENHOR, PRECISO DE TI...

FELIZ DIA DAS CRIANÇAS

"Ensina a criança no caminho em que deve andar, e, ainda quando for velho, não se desviará dele". Provérbios 22:6


Se verdadeiramente quisermos que este versículo seja uma realidade na vida de nossos filhos, cabe a nós, pais e mães, em obediência a Palavra de Deus, evangelizar e discipular nossos filhos. Precisamos além de levá-los a Jesus, ensiná-los a crescer na intimidade e comunhão com Deus.Ensinar a criança no caminho em que deve andar é muito mais do que levá-la a igreja domingo após domingo, é muito mais do que ensiná-la a ser religiosa, é muito mais que ensiná-la a orar na hora das refeições, é muito mais que proibí-la de assistir um desenho da Disney, é muito mais que ler a Bíblia só no dia em que dá tempo, é muito mais do que cursá-la em um colégio cristão, é muito mais que delegar a professora da Escola Dominical o que Deus nos delegou como pais.
Ensinar a criança no caminho em que deve andar é viver a vida de Cristo a cada momento de nossa vida, é exalar o bom perfume de Cristo em nossos lares, para que nossos filhos vejam Cristo e o seu amor através de nós.

Ensinar a criança no caminho em que deve andar é levá-la a amar a Jesus de todo o seu coração e sua alma, como nós amamos, é ensiná-la a ter comunhão íntima com Jesus como nós temos, ensiná-la a ter desejo de orar, falar com Deus como nós, é ensiná-la a ter fome da Palavra e se alimentar diariamente como nós nos alimentamos.

Ensinar a criança no caminho em que deve andar é colocar a Palavra de Deus no coração e na alma de nossos filhos, estando sempre a frente dos seus olhos. É ensinar a tempo e fora de tempo, é almoçando na mesa, brincando no chão, tomando banho, fazendo jantar, comendo juntos. Andando no caminho da padaria, da escola, do shopping, da feira, do parque. É ensinando na hora de deitar, na hora de se levantar para a escola (Deuteron.. 11:18 a 21) e quando for velho não se desviará deste caminho, pois as promessas de Deus são verdadeiras, não mudam e não falham.

Sendo assim porque tantos jovens que foram "criados em lares cristãos", estão hoje longe de Deus, desviados para as drogas, alcoolismo, prostituição, marginalidade? Ou mesmo não querendo nada com Deus. Quem falhou ? Deus ou nós os pais?Hoje é o tempo urgente para vivermos essa promessa de Deus em nossos lares, pois como pais desta geração precisamos também com urgência obedecer e viver a Palavra de Deus em Deuteronômio 11 e Salmos 78.

Cláudia Guimarães

30 Pensamentos Diários - 1º dia

 Por Max Lucado.

Da próxima vez que o seu dia começar a desabar, aqui está o que fazer.

Mergulhe na graça de Deus.

Sature seu dia em Seu amor.

Marine sua mente em Sua misericórdia.

Ele quitou suas contas, pagou sua dívida.

“Levando ele mesmo os nossos pecados em seu corpo sobre o madeiro.” 1 Pedro 2:24

Fonte: www.irmaos.com

Não importa o que...

Nem altura, nem profundidade, nem qualquer outra coisa na criação será capaz de nos separar do amor de Deus que está em Cristo Jesus, nosso Senhor”. Romanos 8:39.


Não importa o que você  faça, não importa quão longe você caia, não importa quão feio você se torne, Deus tem um amor inflexível, imortal, insondável e inextinguível do qual você não pode ser separado. Nunca!

Max Lucado

11 de out de 2010

Biografia de Ludmila Ferber



Ludmila Ferber começou sua carreira musical no bairro de Botafogo, no Rio de Janeiro, em uma igreja local. Participava do louvor na igreja porém não tinha ambições artísticas. Em dezembro de 1987 casou-se com José Antônio Lino e, em 1992, Ludmila Ferber e seu marido mudaram do Rio de Janeiro para Goiânia. Mais tarde, trocaram Goiânia por Brasília, cidade onde Ludmila Ferber iniciou seu ministério pastoral. Suas filhas se chamam Ana Lídia, Vanessa e Daniela. Apesar de todo seu apogeu, Ludmila sofreu muitos preconceitos por causa de seu vibrato, para muitos não seria uma voz comercial. Entretanto todos esses argumentos se desfizeram quando foi lançado seu primeiro Cd solo o álbum Marcas em (1996) e a partir deste lançamento sua carreira se consolidou ainda mais alcançando prestígio por toda a nação. Ludmila Ferber também já havia participado da gravação de vários outros CD's, como da Comunidade Evangélica de Vila da Penha e também da série Adoração do Ministério Koinonya de Louvor.

Em 2000, 'Ludmila Ferber fundou seu próprio selo, o Kairós Music, que deu origem também ao Ministério Adoração Profética. Atualmente Ludmila Ferber é pastora da Igreja Celular Internacional no Rio de Janeiro, igreja que fundou, e preside, com seu marido desde 1999.

Ludmila Ferber é um dos contraltos mais dramáticos da atualidade, seu domínio nos graves e sua interpretação marcante faz juz a colcação, entretanto para muitos ela é mezzo-soprano, apesar da maioria de suas canções trabalharem na região grave algumas canções mostram sua facilidade em projetar a voz no registro agudo com voz de cabeça como é o caso da música (Os sonhos de Deus) onde ela atinge um belo ré4 o que pode ser apreciado também na música (A tua uncão) do cd O verdadeiro amor, já no cd A esperança vive gravado em 2009 na canção (os sonhos voltaram) Ludmila Ferber atinge um ré2 mostrando seu domínio e habilidade em executar notas graves e por fim na canção (tempo de cura) do cd Adoração Profética 3 ela atinge com voz de cabeça a nota Sol#4 o que poderia habilitar sua classificação como mezzo-soprano. Com base em suas gravações podemos perceber que sua extensão tem cer de 2 oitavas e meia. Entretanto esses dados são relativos já que o canto popular não trabalha de fato toda a extênsão vocal e não exige tanta técnica como nos grandes musicais e concertos operísticos onde o cantor trabalha toda sua extensão podendo ultrapassar a extensão de 4 oitavas e utilizar em uma única peça uma parcela considerável de sua tessitura vocal.