13 de jul de 2010

A impaciência...quanto tempo temos que esperar??


... é uma das nossas perguntas favoritas não é mesmo?. A impaciência é um sinal de imaturidade, mas também é um sinal de incredulidade. " aquele que crê não se apresse..." (Is. 28:16).
Quando nos sentimos inquietos e nervosos, ansiosos por "fazer algo", podemos estar seguros de que não estamos confiando em que Deus faça seu trabalho. Você e eu precisamos ser imitadores daqueles que pela fé e a paciência herdam as promessas -. Hb. 6:12

A fé e a paciência vão juntas. Se realmente confiarmos em Deus, esperaremos que Ele cumpra o que prometeu. A impaciência não só é um sinal de imaturidade e incredulidade, mas sim é um rasgo típico de uma vida carnal. A carne (a velha natureza) é sempre impaciente, mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, paciência, benignidade, bondade, fé, mansidão, moderação. - Gl.5:22-23
Somos impacientes por natureza, mas a nova natureza que levamos dentro pode produzir paciência quando submetemo-nos ao Espírito Santo.

A impaciência sempre conduz a cometer sérios enganos...

Abraão se impacientou com Deus e "casou-se" com Agar, a serva de sua esposa, para trazer um filho ao mundo e cumprir assim a promessa divina. Nasceu um filho, mas que só causou mais problemas! Abraão teve que esperar outros quatorze anos para que nascesse Isaac, quem trouxe alegria e bênção a seu lar.

O rei Saul se impacientou, e não quis esperar que chegasse o profeta Samuel. adiantou-se à vontade de Deus e ofereceu o sacrifício, e este foi o princípio do fim de seu reinado.

Pedro também se impacientou no Jardim do Getsêmani, e tentou matar a um homem com sua espada! Em lugar de lhe cortar o pescoço, só lhe acertou na orelha, e Jesus, para salvar a vida do Pedro, sarou a ferida no guarda. A impaciência de Pedro quase lhe custou a vida.

Satanás sabe que, se obtiver de nós a impaciência, pode conseguir que cometamos alguma estupidez, nos colocando em problemas (e implicando a outros). A impaciência sai cara. Mas suportar com paciência as tribulações nos enriquece.

Satanás nos prova para tirar o quão pior há em nós, mas Deus o permite para tirar o melhor que temos.

Jó sabia disto, de maneira que disse: Mas ele conhece meu caminho; provará-me, e sairei como ouro. - Jó 23:10
Deus nunca permitirá que o inimigo nos faça passar pelo fogo sem nenhum propósito. Deus quer nos fazer pacientes.

Não podemos aprender a sermos pacientes escutando uma conferência ou lendo um livro. A única maneira que temos de aprender a sermos pacientes é a de atravessar as provas que Deus dispõe para nós. As provas desta vida são os instrumentos que utiliza Deus para fazer-nos maduros, para alimentar nossa fé, e para nos fazer confiar no Espírito e não na carne.

Quando nos sentirmos impacientes, podemos estar seguros de que o inimigo e a carne estão ativos, e que corremos o perigo de tomar uma má decisão. Quando as circunstâncias da vida nos irritam, é o momento de tomar cuidado! Quando os problemas com a família, os amigos, a economia ou os sentimentos fazem que nossa vida seja desagradável, podemos estar seguros de que Satanás anda perto, esperando a oportunidade de nos atacar.

Mas Deus nos concedeu uma defesa! A sua maravilhosa e restauradora Graça!

Trecho adaptado do livro " As armadilhas de Satanás" de Warren W.Wiersbe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário